quinta-feira, 26 de setembro de 2013

Turismo acessível no Brasil

Certo é que os portadores de deficiência estão protegidos pela legislação, mas é preciso colocar em prática a acessibilidade no setor de turismo para que as reais necessidades dessas pessoas sejam atendidas.

Uma boa notícia é que o nosso Brasil vem se adaptando a essa realidade, e as cidades preparadas para receber os turistas com mobilidade reduzida vem crescendo. O Ministério do Turismo está financiando 14 projetos nesse sentido, com o objetivo de beneficiar 45 milhões de turistas com algum tipo de deficiência. E até a Copa de 2014, serão investidos 109 milhões de reais.

Baseada nos sites Terra e Ministério do Turismo, segue uma seleção das cidades que mais oferecem instalações e passeios adequados:

1) Socorro: o interior de São Paulo é ideal para receber os turistas que adoram aventura e ecoturismo. Há telefones para surdos, restaurantes com cardápios em braile, estacionamentos, transporte adaptado e hotéis muito bem adaptados, como o Hotel Fazenda Parque do Sonho.

http://vidaeestilo.terra.com.br
2) Maceió: é a cidade brasileira que mais se destaca no quesito quartos de hotéis adaptados, além de possuir jangadas especiais para passeios.

http://www.revistaturismoenegocios.com
3) São Paulo: Destaca-se pelos catálogos em braile e audioguias oferecidos pelos museus. Alguns exemplos são o MASP, o Museu da Língua Portuguesa, o Museu do Futebol e a Pinacoteca do Estado.

http://acessibilidadecultural.com.br
4) Chapada dos Guimarães: No Espaço Chapada Aventura há trilha para deficientes visuais. Hospedagens oferecem cardápios em braile e adaptações para os cadeirantes.

http://www.informativoli.com.br/
5) Brotas: Especialmente nas modalidades tirolesa, rafting e arvorismo, os monitores são treinados para conduzirem os turistas com deficiência.

http://www.ecoacao.com.br

6) Fortaleza: Mais precisamente no Beach Park há atrações seguras em seu parque aquático. Muitos apartamentos do resort possuem estrutura com adaptações para os portadores de necessidades especiais.

http://blog.beachpark.com.br
7) Ilha Bela: As praias Perequê, Sino e Praia Grande possuem cadeiras anfíbias, que auxiliam os cadeirantes no banho de mar. Já a Pedra do Sino oferece rampas de acesso e uma passarela. A cidade conta também com agências que organizam passeios específicos para os portadores de necessidades.

http://www.ilhabela.sp.gov.br/
8) Rio de Janeiro: O acesso à área do Pão de Açúcar, como bilheterias e embarque, dá-se através de elevadores-plataforma. O Jardim Botânico possui um jardim sensorial para os deficientes visuais e a Lagoa Rodrigo de Freitas oferece pedalinho motorizado.

http://maonarodablog.com.br
Alguns blogs turísticos para cadeirantes e portadores de mobilidade reduzida:

http://cadeiravoadora.blogspot.com.br/

http://turismoadaptado.wordpress.com/

http://maonarodablog.com.br/

http://bhlegal.net/

Por hoje é só!

B.Jus


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do blog e deixe seu registro!