sábado, 6 de setembro de 2014

Arredores de Paris: Palácio de Versailles e Eurodisney

Palácio de Versailles

Ir a Paris e não visitar o palácio, juntamente com seus belíssimos jardins, é quase um pecado. Além de ser um passeio único, onde você respira história, cada detalhe da construção e do mobiliário é de tirar o fôlego.

Chegamos até lá de metrô. Partindo da Bastille, pegamos a linha 5 e descemos em Gare d'Austerlitz, de onde pegamos o RER C5 para Versailles Rive Gauche. Parece complicado, mas é super simples quando você já está familiarizado com o mapinha do metrô. Afinal, era nosso último dia em Paris, e eu já estava expert nesse meio de transporte.

Chegando na estação, três quarteirões de caminhada foram suficientes para avistar um dos maiores palácios do mundo. Logo à frente fomos recebidos pela estátua do rei Luís XIV montado em seu cavalo.




O belo portão de entrada.
A arquitetura é deslumbrante e considerada uma das maiores realizações da arte francesa do século XVII. Em uma área de 63.154 m², o palácio (ou castelo, como dizem os franceses) possui uma riquíssima coleção de 2.300 peças que retratam boa parte da história da França.

Logo na entrada, os detalhes em dourado já aparecem nas varandas e no alto do palácio (foto abaixo tirada do pátio de mármore).



O deslumbrante Salão de Espelhos é um dos cômodos mais bonitos do interior do palácio. O dourado é predominante e, juntamente com os lustres e a pintura no teto, demonstra riqueza absoluta. Foi através de um dos janelões desse espaço que avistamos pela primeira vez os jardins. Imaginei como seriam ainda mais lindos na primavera. 



Vista  para os jardins da janela do Salão dos Espelhos

O quarto do rei (foto abaixo), igualmente com o dourado predominante, é um dos aposentos mais esperados pelos visitantes. 

Aposentos do rei

Os jardins são um caso à parte, e foram desenvolvidos por André Le Nôtre no século XVII. Para o rei Luis XIV eram tão importantes quanto o palácio. Imaginem a quantidade de terra transportada para decorar cada canteiro. Quanto às árvores, estas originam-se de todas as províncias da França. É uma paisagem surpreendente para os olhares atentos dos visitantes. Tudo impecável.

Jardim L'Orangerie: 3 mil hectares e 1055 árvores

Latona Fountain e, ao fundo, o  The Royal Walk, também chamado de Tapete Verde, devido à extensa faixa de grama.

Não visitamos o Grand Trianon e nem o Domínio de Maria Antonieta (Le Domain de Marie-Antoinette). O primeiro é o edifício mais refinado de Versailles e possui a fachada em mármore rosa. Seu mobiliário foi difundido na época da Revolução Francesa e, atualmente, a maioria das peças expostas são do Primeiro Império. Já o Le Domain de Maria Antonieta, esposa de Luis XVI, era a propriedade voltada para as simples atividades da rainha, longe de todo o luxo de Versailles.

São três tipos de tickets para visitar o palácio. O primeiro deles é o mais comprado e dá acesso às dependências mais famosas, como o Salão dos Espelhos e os aposentos do rei e da rainha. O segundo além do descrito anteriormente, também dá acesso ao Grand Trianon e ao Le Domain, mas demanda bastante tempo. E o terceiro e último é uma visita guiada, com a exclusividade de conhecer a Ópera e a Capela Real.

O espetáculo das Grandes Águas Musicais: 

Não é preciso comprar o ticket para assistir a esse espetáculo, que acontece de abril a outubro todos os finais de semana e algumas datas especiais. É um passeio pelo imenso jardim ao som de fontes musicais. Para detalhes clique aqui.

Foto do site: http://www.chateauversailles-spectacles.fr


O espetáculo das Grandes Águas Noturnas: 

Mais interessante, esse espetáculo acontece durante a noite. Os jatos de água possuem efeitos luminosos e, ao final do percurso pelos jardins, há fogos de artifício. Para detalhes clique aqui.

Foto do site: http://www.chateauversailles-spectacles.fr

Horário das visitas a Versailles:
- 01 de abril a 31 de outubro das 09:00 hs até as 18:30 hs (última entrada às 18:00 hs).
- 01 de novembro a 31 de março das 09:00 até as 17:30 hs (última entrada às 17:00 hs)
Atenção: Independente da época, o palácio não abre às segundas-feiras.

Eurodisney


Distante 30 km de Paris, a Eurodisney é interessante e indispensável para famílias com crianças e para quem ainda não conhece a Disney de Orlando. Como eu já conhecia esta última, não me surpreendi em nada, mas, de qualquer forma, em terra de Mickey e amigos sempre há diversão e conto de fadas.

Para chegar até lá, vá de metrô até uma das estações de onde saem os trens RER (é só consultar o mapa). Depois pegue o RER A4 até a estação Marne-la-Vallée, que fica na entrada do parque. O percurso durou pouco mais de 40 minutos.

Parques:

Disneyland Park: Voltado mais para o público infantil. É onde acontece o desfile de personagens e está o famoso Castelo Encantado, ao final da Main Street, aquela rua principal recheada de lojinhas, quiosques e pontos de alimentação. Clique no link e veja o mapa iterativo com todas as atrações.

Entrada do Disneyland Park

Castelo Encantado

Desfile de Personagens no fim da tarde

Desfile
Walt Disney Studios: É onde o visitante vai conhecer efeitos especial dos filmes Disney, aprendendo sobre televisão e cinema. É mais interessante para os adultos, pois as atrações são mais emocionantes, como as montanhas russas e a Hollywood Tower (Torre do Terror), de onde há queda livre de 13 andares dentro de um elevador. A mais nova atração é a Ratatouille, onde o visitante tem a impressão de ser do tamanho do simpático ratinho, aventurando-se em um carrinho.

Walt Disney Studios
A Vila (Disney Village):

O complexo Disney Village possui shopping, cinema e treze pontos de alimentação incluindo o restaurante Planet Hollywood, onde jantamos uma comida razoável, Starbucks, Mc Donald's e outros. As crianças podem fazer refeições com personagens no Café Mickey (na vila), no restaurante do Disneyland Hotel e no Auberge de Cendrillon do Disneyland Park. Mais informações acesse aqui.

O Buffalo Bill Wild West Show é um jantar com espetáculo estilo Velho Oeste, com os personagens Disney. A apresentação acontece todos os dias das 18:30 hs às 21:30 hs, exceto às quartas e quintas-feiras. 


Entrada da Disney Village
PanoraMagique: Sobre o lago da Disney Village é possível fazer um voo de balão fixo, preso por um cabo, a 100 metros acima do solo. Horário: 01 de abril a 31 de outubro (09:00 hs às 23:00 hs) e 01 de novembro a 31 de março (09:00 hs às 20:00 hs)

PanoraMagique


Costela ao molho barbecue do Planet Hollywood
Hotéis:

Dentro do complexo há sete hotéis temáticos Disney, sendo o Disneyland Hotel o mais próximo do parque. Os demais estão a uma distância de 10 a 20 minutos de caminhada. Há também mais sete hotéis parceiros, todos com transporte gratuito até os parques.


Para maiores informações sobre cada um acesse o site.

Por hoje é isso. Até a próxima!

B.Jus

Um comentário:

  1. Olá,
    Parabens pelo post no Blog! 
    Hoje em,dia qualquer dica, ajuda para quem quer morar for a ou fazer intercâmbio é válida. Visite o site da nossa agência de intercâmbio com base em Brighton na Inglaterra JapStudies.com (Juniors, Adults & Professionals Studies). Como nosso serviço é em sua maioria online os custos são muito mais baratos do que se comparado com as empresas no Brasil e você pagará seu curso diretamente para a escola através de uma transferência bancária internacional com a cotação do Banco Central.
    Entre em contato com a gente e peça um orçamento sem compromisso 
    Um forte abraço JapStudies.com

    ResponderExcluir

Participe do blog e deixe seu registro!